menu
Topo
Alto Astral

Alto Astral

Categorias

Histórico

Pinta tudo! Como a cromoterapia dentro de casa afeta o bem-estar e a saúde

Universa

2030-03-20T19:04:00

30/03/2019 04h00

(Foto: iStock)

Se você pensa que as cores adotadas dentro de casa são só para deixar o imóvel ou o cômodo bonito, saiba que elas podem produzir certos efeitos e estimular reações específicas na vida dos moradores. Tudo graças à cromoterapia.

Considerada pseudociência e até pseudomedicina, a terapia das cores é utilizada há milênios. "Gregos e egípcios, por exemplo, se valiam das cores e das suas vibrações para harmonizar o corpo", afirma Brendan Orin, especialista do Astrocentro

Veja também

Como ele explica, a luz, quando absorvida em determinada tonalidade, manda uma informação ao cérebro, que pode ser processada de várias maneiras, seja por sensações ancestrais (como associar o vermelho a algo perigoso, já sangrar é algo que pode levar à morte) ou sensoriais (por exemplo, o laranja remete ao nascer e pôr do sol, momentos revigorantes e cheios de beleza).

"O ponto-chave é que nosso subconsciente se comunica através de símbolos, que trazem conceitos mais complexos do que palavras e ativam determinadas regiões do cérebro, responsáveis por memórias e emoções", argumenta.

Como as cores agem

● Azul: estimula tranquilidade, clareza mental, segurança, harmonia e paz. É boa tonalidade para aplacar o estresse e ajudar a ter um sono tranquilo.
● Amarelo: representa felicidade, juventude, comunicação, estímulo para o intelecto, concentração, criatividade. Também ajuda a avaliar as emoções de um ponto de vista racional.
● Vermelho: representa vigor, força, erotismo, coragem, estímulo, autoconfiança, agressividade. Pode ser eficiente no tratamento de insegurança e em problemas de libido.
● Verde: tem a ver com fertilidade, repouso, esperança, crescimento, planejamento, tenacidade, perseverança. É recomendada para momentos de recuperação e detox.
● Laranja: é alegria, energia, bem-estar, disposição, prosperidade. Ótima aliada para aumentar o apetite das crianças. Ainda ajuda a manter o ânimo jovial e animado.
● Roxo: ligada à espiritualidade, religião, sabedoria, nobreza, ocultismo. É uma cor de vibração elevada, que ajuda as pessoas a encontrarem respostas dentro delas mesmas.
Não significa, é claro, que você deve pintar a casa inteira com o mesmo tom só para alcançar determinado propósito. Vale apelar para a criatividade e apelar para peças coloridas, sejam móveis, itens de decoração, tapetes, quadros e assim por diante.

Mas saiba que, quanto mais a cor se tornar perceptível e destacada no campo de visão dos moradores, maior será sua ação. "A mistura de muitas cores e a não identificação da cor dominante pode causar confusão no cérebro, o que invalidaria seus efeitos terapêuticos", alerta Brendan.

Como incorporar dentro de casa

1. Considere os benefícios dos tons para pintar diferentes ambientes da casa. Assim, opte pelo azul no quarto, para dormir melhor, e uma parede no escritório, para estimular o foco.

2. Se sua casa tiver um estilo mais neutro, com paredes brancas ou delicadas, abuse dos acessórios e peças decoração com cores que tragam os efeitos desejados. Um sofá laranja na sala com paredes e móveis claros vai estimular momentos alegres em família. O tom, porém, não ajuda a descansar, o que atrapalha aquele cochilo na frente da TV.

3. Se não quer pintar as paredes, use quadros e outros detalhes na decoração, desde esculturas, itens de arte a vaso, com a cor que precisa ser estimulada. Pela característica lúdica, as peças vão chamar a atenção para a tonalidade predominante, ainda que de modo inconsciente.

4. Lâmpadas e luminárias, bem como vitrais coloridos, têm forte atuação cromoterápica.

5. No quarto, vale apostar em roupas de cama nas cores azul (boa para o sono), rosa (remete a algo fofo) ou verde (relacionado ao descanso).

6. O vermelho, se aplicado no quarto de casal, vai estimular a intimidade e o sexo – o que é ótimo! Mas não é a melhor pedida para quem sofre com insônia. Se o casal convive com problema de libido baixa, combinar vermelho com rosa no cômodo costuma solucionar o problema.

7. Em vez de uma parede colorida, no escritório ou sala de estudo, adote acessórios de mesa e materiais escolares amarelos. Outra opção é recorrer a itens cromados, já que o prata está ligado à inovação e beneficia a intuição, importante para novos negócios e conquistas.

8. Em ambiente formal de trabalho, marrom e preto são muito bem-vindos, pois tratam de prosperidade, respeito, conhecimento e elegância. Só que, em excesso, tendem a levar a uma certa apatia, diminuindo a percepção do tempo e fazendo perder o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.

9. Acenda velas coloridas. Com isso, estará mandando uma mensagem ao inconsciente de que está "ativando" a cor, o que faz com que a aura de cada pessoa vibre em sintonia com a tonalidade da vela.

10. Escolha flores para decorar ambientes que pedem uma intervenção cromática. Elas trazem a cor literalmente viva para dentro de casa, com significado e efeito todo especial.

Não erre a mão

Só tome cuidado com exageros. "Todas as cores tratam de vibrações energéticas, e tudo aquilo que é demais causa problemas. Se busca calma e exagera no azul, pode alcançar tristeza. Se olhar muito tempo para o vermelho, pode ficar irritado", ilustra Brendan.
Claudia Dias, em colaboração para Universa.

 

Sobre o blog

Curiosidades, listas e previsões: tudo sobre os signos do zodíaco.