Topo
Alto Astral

Alto Astral

Categorias

Histórico

As 7 maiores bobagens sobre astrologia que você não precisa acreditar

Universa

30/05/2018 04h00

(Foto: Getty Images)

Cansou de ouvir besteira sobre astrologia e não sabe mais em quais fontes confiar? Pra começar a se aventurar no mundo dos astros, é preciso estar atento a informações que são mais clichês do que verdade no horóscopo. O Alto Astral te ajuda a saber no que não acreditar, vem ver!

Veja também

Meu signo solar diz quem eu sou

Pessoas do mesmo signo são iguais? Áries é o signo mais bravo do zodíaco? Touro, o mais comilão? Desmistificando essas e outras perguntas que estereotipam os signos, o Sol é o primeiro e o mais essencial item da lista. Não, você não é só o seu signo solar. Ele tem, sim, grande influência sobre quem você é verdadeiramente, sobre sua essência. Mas todos os 12 signos exercem influência em algum aspecto da sua vida, e isso é representado pelos outros planetas. Marte, por exemplo, representa a ação. Uma pessoa de Câncer com Marte em Áries, pode ser bem mais agressiva do que aquela imagem doce e suave que cancerianos têm. Cada um de nós é um universo, para que se limitar a estereótipos?

Mapa astral online conta tudo sobre você

Será que um software é tão inteligente que consegue cruzar todas as informações de um mapa astral? A resposta é: não. Além de saber em qual posição cada planeta se encontra no seu mapa e qual o signo que rege cada um dos astros, é importante saber como eles formam aspectos entre si, porque isso influencia totalmente a manifestação das características de um signo. Portanto, ao fazer um mapa astral pela internet, você tem informações genéricas sobre o que o Sol em Virgem, a Lua em Touro ou Vênus em Áries, por exemplo, podem significar, mas não necessariamente sobre como isso se manifesta em quem você é de acordo com o seu mapa. Que não vai ser o mesmo, independentemente de uma pessoa ter o mesmo signo solar, ascendente e lunar que o seu.

É melhor fugir daquele crush com signo incompatível

Se você deixar de sair com um crush só porque dizem que o signo dele não combina com o seu, pode ser que você perca um grande e inesquecível date. No começo do texto já ficou bem claro que nem todo mundo do mesmo signo é igual, não é? Isso porque cada um de nós carrega informações astrais traçadas na hora do nascimento, que são únicas e constituem o mapa natal. Outro ponto importante é que, dentro da astrologia kármica, nada acontece por acaso. Talvez entrar em um relacionamento com uma pessoa totalmente diferente de você sirva justamente para obter aprendizados e evoluir. Controlar o ciclo natural das coisas é impossível, tomar consciência sobre ele é o mais importante. E vamos combinar? Encontro bom é aquele que rola no seu próprio ritmo, não vale a pena ficar encanada com o mapa astral do boy. Deixe acontecer!

Retorno de Saturno é o pior momento da vida

Crise dos 30? Que nada! O nome disso é Retorno de Saturno. Mas engana-se quem pensa que o fenômeno é exclusivamente negativo. Nada na astrologia é apenas "ruim", são acontecimentos que servem para fazer a gente ver as coisas por um outro ângulo e amadurecer. Quando relutamos a isso, naturalmente sofremos. A vida é assim, não é mesmo? Na astrologia, o período (que pode variar dos 28 aos 32 anos dependendo da pessoa) acontece para tomarmos consciência do que devemos abandonar e do que devemos assumir e levar a diante. Se você já vem fazendo esse trabalho, a passagem de Saturno pode ser iluminadora, ajudando a conquistar objetivos já traçados antes. Mas, se você ignora algumas responsabilidades e questões que precisam de mais dedicação, é possível que veja as trevas. Tudo tem um propósito, que de negativo nada tem: evoluir.

Depois dos 30 você vira seu ascendente

Não, com 30 anos você não vai aparentar mais com o seu ascendente. O que acontece, ou deveria acontecer, é exatamente o contrário — isso se você estiver dedicado a descobrir sua missão de vida. No item acima vimos que o Retorno de Saturno marca a passagem para a vida adulta e traz, naturalmente, questionamentos sobre quem somos e o que queremos da vida. Reconhecer e se identificar com essas questões faz parte de um amadurecimento natural. Portanto, se o ascendente é como uma casca que representa o jeito que somos vistos e nos fazemos ver pelo mundo, o correto é que nos identifiquemos cada vez mais com o signo solar, mostrando, através das características que ele traz, a nossa natureza. Se você se identifica mais com o ascendente depois dos 30, está na hora de trabalhar um pouquinho mais o autoconhecimento. Combinado?

Signos de água amam mais

Então quer dizer que quem não é de Câncer, Escorpião ou Peixes ama menos? Bobagem! Até porque, como vimos mais acima, o signo solar não configura toda a nossa personalidade e jeito de pensar ou sentir. Para analisar como uma pessoa ama, é preciso olhar para o planeta Vênus, a Lua e também o planeta Marte, que terão aspectos diferentes para cada indivíduo. As pessoas têm jeitos diferentes de amar, cada um de acordo com o seu instinto. Inclusive as do mesmo signo! Ninguém ama igual. E vamos combinar? Amor é amor, astrologia é astrologia. Já dizia a música: "Qualquer maneira de amor vale amar".

Cuidado com o Inferno Astral

Todo mundo já ouviu falar em Inferno Astral e inclusive usa esse pobre coitado para justificar qualquer coisa de errado que aconteça na véspera de um novo ano pessoal. Mas, se fazer aniversário é algo a ser comemorado, qual seria o motivo de o mês anterior ser problemático? Esse é mais um dos termos que caíram no gosto popular e muita gente sofre por antecedência. Mas não, Inferno Astral não existe. O que existe é, sim, um encerramento de ciclo. A cada aniversário temos um novo mapa, que é chamado de Revolução Solar — quando o sol do céu volta para a posição do sol pessoal no mapa natal, apontando como os astros estarão naquele ano. Por esse motivo, aproximadamente um mês antes do aniversário, o Sol se posiciona na casa 12 do mapa, uma casa de encerramentos. É natural que nesse período algumas coisas venham à tona, justamente porque não servem mais. Tem quem sofra com isso, mas o segredo é encerrar ciclos e desapegar!

*Por Camila Eiroa, colaboração para a Universa

Sobre o blog

Curiosidades, listas e previsões: tudo sobre os signos do zodíaco.

Alto Astral